Cubismo


Dois caipiras na soleira da tarde
pitando capim.
A folha fina e comprida do mato
vibra com o vento
do lado do cachorro co┴ando.

O passarinho pĚra-quedas
freia brusco a ca╠da,
at╚ a bosta do cachorro no mato;
fu┴a nela pra pegar um verme.

O cachorro come a folha do mato.

Um caipira viu passarinho e bosta.
O outro, cachorro e mato.

Os dois, em un╠ssono:
- AlĚ! TĚ cumen'╚ que tem verme!Í